top of page

Hospital Ortopédico do Estado abre processo seletivo exclusivo para Pessoas com Deficiência (PCDs)

Unidade administrada pelo Einstein oferece 25 vagas em diversas áreas com inscrições até 14 de julho

Foto: Pablo Barbosa/Sesab

O Hospital Ortopédico do Estado, administrado pelo Einstein e pertencente à Secretaria da Saúde do Estado, anunciou a abertura de um processo seletivo destinado exclusivamente a Pessoas com Deficiência (PCDs). A iniciativa visa preencher 25 vagas distribuídas entre setores de assistência direta ao paciente, como médicos, enfermeiros, técnicos e equipe multidisciplinar, e assistência indireta, abrangendo áreas como farmácia, laboratório, administrativo e atendimento ao público.


Os interessados podem se candidatar até o dia 14 de julho através do site www.einstein.br/carreiras, na seção dedicada às "vagas PCD HOE". Além de uma remuneração competitiva, o Einstein oferece um plano de carreira estruturado e benefícios como assistência médica, alimentação e transporte. Durante o processo seletivo, é obrigatória a apresentação de laudo médico que comprove a deficiência do candidato.


A iniciativa reforça o compromisso do Einstein com a inclusão e diversidade no ambiente de trabalho, estendendo-se também ao mercado de trabalho em geral. Desde 2019, o hospital implementa um Programa de Diversidade, Equidade e Inclusão, abrangendo cinco áreas principais: equidade de gênero, gerações, etnias, pessoas com deficiência e LGBTI+. Este programa visa valorizar a diversidade e atrair profissionais alinhados com os valores de inclusão da instituição.


O Hospital Ortopédico do Estado, totalmente financiado pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e operando exclusivamente via central de regulação do Estado, representa a primeira unidade administrada pelo Einstein na região Nordeste. Desde o início de sua operação em março, o hospital já contratou 946 colaboradores diretos e proporcionou mais de 22 mil horas de treinamento. Durante este período, foram realizadas 1.307 cirurgias e mais de 17 mil atendimentos à população, reforçando seu papel crucial no sistema de saúde estadual.

0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page